quinta-feira, 22 de setembro de 2011

O baile da vida


Os anos passam. As lembranças são eternas, a saudade permanente e nossos olhos em busca de cenas de tempos vividos.

Os anos passam. Vivenciamos lições de vida, aprendemos a vasculhar em nossos guardados do coração e a acariciar lindos momentos que se foram para não mais voltar.

Os anos passam. Crescemos na alma, mas sempre seremos frágeis no amor.

Os anos passam. Muitos virão ou, quem sabe, nossa estada nesta vida seja curta, nada sabemos do amanhã.

Os anos continuam a desfilar na passarela do aprendizado e nós, protagonistas da vida, enfrentamos os momentos que nos fazem infelizes e nos deliciamos com os felizes!

Resumimos que a vida é um grande baile em que almas se encontram, se esbarram, se unem e se separam, cada qual bailando nos conflitos, nas esperanças e nas suavidades de momentos de amor.

De todos os anos que se foram, concluo que viver é ser cada qual, em sua essência adquirida, com todas as adversidades, com as lágrimas derramadas, ainda assim, a alegria de viver é o maior presente embrulhado em papéis de brilhos de momentos.

Desconheço autoria.

.

0 comentários:

Sobre mim

Minha foto
Claudia Mei
É curioso como não sei dizer quem sou. Quer dizer, sei-o bem, mas não posso dizer. Sobretudo tenho medo de dizer porque no momento em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo. Clarice Lispector
Visualizar meu perfil completo

Seguidores

Sitemeter

Visualizações de páginas

Tecnologia do Blogger.