terça-feira, 24 de abril de 2012

Cuide do seu jardim


Aprendi coisas importantes nessa vida. É como se fosse um kit básico de sobrevivência.

Nunca sinta vergonha daqueles que te dão valor. Mostre-os ao mundo.

Com certeza você já amou alguém que fez com que seu mundo caísse e, com certeza, o valor que você deu foi muito superior ao que recebeu. Não se preocupe, isso acontece. É regra.

Mas quando você está no chão, achando que não tem mais jeito e que tudo está perdido, de repente acontece o que não é de se esperar, você passa a não ver apenas os pés passando por seus olhos, mas também uma mão te levantando e dizendo que vai ficar tudo bem.

Essa pessoa não liga se você está sujo, cego e não se importa se você não tem estrutura para se reerguer. Ela acredita em você e quer te ver de pé. É um momento difícil e seu único pensamento deve ser você mesmo.

Cuide do seu jardim para que venham as borboletas e, quando elas chegarem, não as esconda porque, em um mundo preto e branco, elas são as únicas coloridas.

Balance seu pé em um penhasco, mas não olhe para baixo, olhe em frente, logo o sol nasce outra vez e tudo ficará colorido.

O amor pode demorar a chegar, mas aos poucos ele há de aparecer, enquanto isso curta as borboletas fazendo cócegas em sua barriga. E tenha a certeza de que tudo ficará bem.


Karen Barros. 

.

1 comentários:

Tatiane Salles. disse...

o.Õ

Essa postagem foi diretamente pra mim?! Adivinhando a minha vida, né, Dona Claúdia? rs.
Um ótimo dia, grande abraço.

Att, Tati.

Sobre mim

Minha foto
Claudia Mei
É curioso como não sei dizer quem sou. Quer dizer, sei-o bem, mas não posso dizer. Sobretudo tenho medo de dizer porque no momento em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo. Clarice Lispector
Visualizar meu perfil completo

Seguidores

Sitemeter

Visualizações de páginas

Tecnologia do Blogger.