quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Nossos medos


Nosso maior medo não é o de sermos inadequados. Nosso maior medo é o de sermos poderosos além da medida.

É nossa luz, não a nossa escuridão, o que mais nos apavora!

Perguntamos a nós mesmos:

- "Quem sou eu para ser brilhante, esplêndido, talentoso e fabuloso?"

Na verdade, por que você não seria? Você é um filho de Deus. Bancar o pequeno não serve ao mundo.

Nada nos esclarece, no sentido de nos diminuirmos, para que outras pessoas não se sintam inseguras em torno de nós.

Nascemos para tornar manifesta a glória de Deus que está dentro de nós. Ele não está em alguns de nós: está em todos nós.

E quando deixamos nossa própria luz brilhar, inconscientemente damos a outras pessoas permissão para fazer o mesmo.

Quando nos libertamos de nosso próprio medo, nossa presença automaticamente liberta outros.


Nelson Mandela, extraído do seu discurso de posse, em 1994.

.

0 comentários:

Sobre mim

Minha foto
Claudia Mei
É curioso como não sei dizer quem sou. Quer dizer, sei-o bem, mas não posso dizer. Sobretudo tenho medo de dizer porque no momento em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo. Clarice Lispector
Visualizar meu perfil completo

Seguidores

Sitemeter

Visualizações de páginas

Tecnologia do Blogger.